“Visitante” no Morumbi, São Paulo bate Linense e fica perto da vaga

0
95
Sem forçar e nem passar sustos, o São Paulo venceu o Linense por 2 a 0 na tarde deste domingo, pela primeira partida das quartas de final do Paulistão. Foram 23 finalizações do Tricolor (contra cinco do Linense, nenhuma delas que oferecesse perigo ao goleiro Renan Ribeiro), mas o primeiro gol da partida foi contra – Diego Felipe tentou cortar um passe de Rodrigo Caio e mandou para o fundo da rede – e o segundo só saiu nos acréscimos, com Lucas Pratto.

O duelo foi realizado no Morumbi, apesar de o mando de campo ter sido do Linense, porque o estádio do clube do interior não tem capacidade para abrigar um jogo decisivo. Os dois clubes concordaram em dividir a renda das duas partidas. O público, porém, ficou bem abaixo da expectativa: 15.480 pagantes, gerando renda bruta de R$ 396.216,00 e líquida de R$ 121.431.04. O clube de Lins recebeu pouco mais de R$ 60 mil com jogo no estádio do São Paulo. Na primeira fase, levou R$ 320 mil em partida contra o Palmeiras na Fonte Luminosa.

O jogo da volta também será na casa tricolor, no próximo sábado, às 16h. O São Paulo jogará com a vantagem de poder perder por um gol de diferença para se classificar. Se perder por dois, a vaga será decidida nos pênaltis. O Linense avança direto se vencer por três gols.

Antes de decidir a vaga nas semifinais do Paulistão, porém, o São Paulo estreará na Copa Sul-Americana contra o Defensa y Justicia, na Argentina, nesta quarta-feira.

Linense x São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)Jogadores do São Paulo comemoram gol contra o Linense (Foto: Marcos Ribolli)

O jogo

O São Paulo teve 69% de posse no primeiro tempo. A melhor chance de gol surgiu aos 41, numa bola perdida por Rodrigo Lobão – Luiz Araújo serviu Lucas Pratto, que chutou para ótima defesa de Victor Golas. De resto, com muitas dificuldades para furar a defesa do Linense, o Tricolor abusou dos chuveirinhos – foram 19 bolas levantadas na área durante a etapa inicial, contra uma do time do interior. O São Paulo ainda teve um gol corretamente anulado pela arbitragem, aos 33 – Cícero estava impedido ao pegar o rebote de chute de Jucilei.

No segundo tempo, o São Paulo continuou pressionando. E passou a contar com a sorte. Aos 4, em cruzamento de Buffarini, Rodrigo Caio desviou para o centro da área, a bola bateu em Diego Felipe e entrou. Dois minutos depois, por pouco o Tricolor não faz 2 a 0 com novo gol contra do Linense, desta vez de Thiago Humberto.

O jogo estava tranquilo, e Rogério Ceni decidiu promover a estreia de Thomaz Santos, contratado do Jorge Wilstermann, da Bolívia. O meia, que fez seu primeiro treino na quinta-feira com o Tricolor, entrou no lugar de Luiz Araújo, aos 20 minutos.

O Linense parecia mais preocupado em não tomar uma goleada do que em tentar buscar o empate. Em vários momentos, seus dez jogadores de linha se posicionavam logo à frente da grande área. E o São Paulo, preocupado em dosar o ritmo (já que tem jogo na Argentina na quarta-feira), não se esforçava além da conta para tentar um placar maior.

O segundo gol acabou saindo de forma natural, em novo chuveirinho, aos 48 minutos. Shaylon cruzou, Cícero finalizou e Pratto marcou no rebote. Vitória garantida e classificação encaminhada.

Linense x São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)São Paulo venceu o Linense por 2 a 0 no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)
Por GloboEsporte.com

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA