Lugano e Lyanco divergem sobre não treinar bola aérea até sábado

0
138
Lugano respalda eventual decisão de Ceni de não treinar mais bola aérea (Foto: Rubens Chiri/SPFC)

Irritado com mais um gol de cabeça sofrido pelo São Paulo (são sete no ano), o técnico Rogério Ceni avisou que não voltaria a treinar bola aérea até sábado, dia do confronto com o Ituano, pelo Campeonato Paulista. A declaração foi dada após o empate por 1 a 1 com o ABC, em Natal, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil. Dois dos principais zagueiros do elenco tricolor, Lugano e Lyanco divergem de opinião sobre o tema.

Os dois, inclusive, formaram dupla de zaga no duelo diante dos potiguares. Lyanco substituiu o lesionado Rodrigo Caio logo aos 11 minutos do primeiro tempo e foi elogiado por Ceni pela “partidaça” que fez em Natal. O jovem defensor acredita na correção de problemas pelos treinos, mas acatará qualquer decisão do comandante tricolor.

“Eu deixo para ele tomar a decisão que ele quiser. Creio que treinamento sempre ajuda, mas isso é uma coisa que vem acontecendo. Se não treinar para não sofrer no jogo for a decisão dele…Tenho certeza que ele vai decidir da melhor maneira para a gente”, divagou Lyanco, que pode trocar o São Paulo pelo Torino no meio do ano.

Bem mais experiente e 16 anos mais velho, Lugano respalda a decisão do treinador. De acordo com o uruguaio, treinar insistentemente a bola parada “acaba chamando o gol”. No lance em que o ABC abriu o placar, logo aos dois minutos de jogo, o camisa 5 escorregou e não conseguiu acompanhar Márcio Passos, que subiu sozinho para cabecear.

“Às vezes se trabalha tanto, tanto, tanto e se fixa em uma coisa, que acaba chamando o gol, aquilo que você não quer. Talvez seja melhor ficar tranquilo e não colocar tanto peso nisso. Quando você comete muitas vezes o mesmo erro e trabalha muito em cima, traz um peso. Trabalhamos, falamos e na primeira bola eu escorreguei e aconteceu a tragédia. Temos que ter tranquilidade na hora de conversar para corrigir. Na hora certa não sofreremos mais isso”, analisou o zagueiro.

Com Maicon e Rodrigo Caio lesionados, Lugano deve ser novamente titular na partida contra o Ituano, neste sábado, às 16 horas (de Brasília), no Morumbi, pela nona rodada do Campeonato Paulista. Breno é o mais cotado para formar dupla de zaga com o uruguaio, já que Lyanco não foi inscrito para a primeira fase do Estadual. Assim, Douglas e Lucão serão opções no banco de reservas.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA