Vencer sábado virou questão de honra no Morumbi

0
821
Ganso marcou o gol do único clássico no Morumbi no ano. Única vitória. Coincidência? (Foto: Reprodução/SPFC)

O São Paulo perdeu para o lanterna do campeonato nesta segunda-feira (31). Apesar do resultado e do futebol medíocre mostrado contra o América-MG, o fantasma do Z-4 não deve voltar a assombrar o time. Será necessária apenas mais uma vitória para a salvação. E não existe melhor maneira de se livrar disso logo vencendo o Majestoso neste sábado (05).

A derrota de ontem ao menos serviu para o discurso de G-6 parar de existir. Esse time não merece estar na Libertadores do ano que vem. Como a chance de rebaixamento é baixa, o que restou para o São Paulo no ano é ganhar o clássico e já pensar em dias melhores. Jogos como esse são um campeonato a parte. Em uma noite que promete um jogo horrível, devido às partidas horrorosas das duas equipes na última rodada, ganhar será motivo de muita festa para a torcida, que fará o seu papel.

Já foram vendidos mais de 35 mil ingressos até a noite de terça-feira. Tudo para ser o maior público do campeonato. O time vai contar com o Morumbi lotado para ter forças e ganhar o jogo, o que virou obrigação e questão de honra. O estádio cheio é a peça necessária para suprir esse futebol fraquíssimo mostrado pelo São Paulo.

No ano, o tricolor só venceu um clássico. 1 a 0 contra o atual líder do campeonato. E foi o único disputado no Cícero Pompeu de Toledo. Os outros dois jogos “em casa” foram disputados no Pacaembu, com duas derrotas.

2016 foi outro ano que os maus momentos superaram os bons. Vencer um duelo contra o rival é uma chance do torcedor sorrir em um Morumbi repleto, como o tricolor se acostumou e tanto gosta. Honrem a camisa, vençam o rival e já virem a chave por um 2017 decente.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA