Vitória deve ser estímulo para a sequência decisiva

0
676
Gol de Rodrigo Caio pode marcar o fim do sofrimento tricolor (Gazeta Esportiva)

Quase ninguém imaginava, mas aconteceu: após mais um primeiro tempo medíocre, o São Paulo fez uma segunda etapa irretocável, virou para 2×1 e derrotou o Fluminense em pleno Rio de Janeiro.  A vitória veio num momento crucial, quando o Tricolor chegou à sua pior posição na tabela (uma acima da zona de rebaixamento) e às vésperas da sequência que provavelmente será o fiel da balança entre a queda e salvação são-paulina.

Nas próximas quatro rodadas, o Tricolor enfrenta a Ponte Preta, no Morumbi, visita o lanterna América-MG e depois recebe Corinthians e Grêmio. Três jogos em casa e um contra um virtual rebaixado pode ser o momento perfeito para alcançar os pontos necessários para evitar a queda. Segundo os matemáticos, a conta seria 45 pontos, faltando, portanto, mais seis para o São Paulo. Porém, a expectativa é de que neste ano a nota de corte seja mais alta, ficando, talvez, entre 47 e 48. Logo, três vitórias nesta sequência já consumariam a salvação.

Caso mantenha o desempenho medíocre que tem sido a tona e não some os nove pontos, a situação poderá se complicar bastante, uma vez que, logo depois, o São Paulo terá que encarar dois jogos seguidos fora de casa, contra Chapecoense e Atlético-MG, dois clubes bastante indigestos em suas respectivas casas. É verdade que a última partida será contra o provavelmente rebaixado Santa Cruz, no Pacaembu (o Morumbi receberá o show do Black Sabbath no mesmo dia), mas deixar tudo para a última hora é sempre um risco demasiado. Ainda mais se lembrarmos que o Tricolor nunca chegou à última rodada correndo risco, nem mesmo em 1998 e 2013, anos em que também brigou contra a degola, o que tornaria a situação ainda mais tensa.

Por ora, resta esperar que a vitória no Rio de Janeiro marque o início do exorcismo do famigerado “fantasma da B”, esse fantasma que já está assustando bem mais do que deveria, aliás.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA