Lugano elogia Pato e não teme problemas com reforços de Bauza

0
980

Embora as partes neguem oficialmente, especula-se entre torcida e imprensa a possibilidade de Alexandre Pato, do Corinthians, voltar a defender o São Paulo por empréstimo. O atacante, que tem contrato com a agremiação do Parque São Jorge até 31 de dezembro de 2016, foi bem avaliado, inclusive, por um dos líderes do elenco tricolor.

Durante entrevista coletiva concedida na última sexta-feira, o zagueiro Diego Lugano ficou sabendo por jornalistas de que Pato teria sua reestreia com a camisa corintiana adiada por conta de sua condição física. Questionado sobre o assunto, o uruguaio se esquivou, mas não deixou de elogiar o atacante de 26 anos, que marcou 38 gols e deu 14 assistências em 101 jogos vestindo a camisa tricolor entre 2014 e 2015.

“Não trabalhei com ele no São Paulo, não sabia dessa notícia, mas eu tenho a melhor visão dele como jogador, chegou ao máximo nível mundial muito novo ainda. Ouço coisas boa dele aqui no São Paulo. Mas como profissional do São Paulo, é difícil elogiar jogador adversário”, avaliou Lugano.

Revelado pelo Internacional, Pato foi vendido ao Milan em 2007. Na equipe italiana, o paranaense de Pato Branco marcou 63 vezes em 150 partidas disputadas por ele até 2013, ano em que foi comprado pelo Corinthians por cerca de R$ 40 milhões. No Timão, o atacante balançou as redes 17 vezes em 62 jogos. O estopim de sua má fase no Parque São Jorge foi o pênalti mal batido contra o Grêmio, pelas semifinais da Copa do Brasil.

Sobre Andrés Chávez e Julio Buffarini, ambas contratações feitas pelo São Paulo a pedido de Edgardo Bauza, Diego Lugano disse não temer o desempenho dos dois atletas caso o Patón deixe o clube brasileiro para assumir o cargo de treinador da seleção argentina. Para o uruguaio, os jogadores vão querer exibir seu melhor futebol independentemente do técnico que estiver à frente do Tricolor.

“No meu pensamento todo jogador de futebol que vem ao São Paulo tem a fome, o desejo de ser vitorioso, independente do treinador. Por mais que o treinador pensa ou não pensa em você, ele vai querer triunfar por ele, por seu prestígio, pelo seu clube, por sua família. Tem coisas além da decisão de um treinador”, analisou o defensor de 35 anos.

O próximo compromisso do São Paulo será o duelo contra o Grêmio, neste domingo, em Porto Alegre, às 16 horas (de Brasília), pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O clube do Morumbi ocupa o nono lugar da competição, com 22 pontos. Situação essa que incomoda Lugano.

“O São Paulo, por sua história e pelo elenco, tem a obrigação de ser campeão. Não podemos pensar só no G4 ou Libertadores. O Palmeiras aproveitou muito bem o começo do campeonato, coisa que o São Paulo não tinha essa vantagem por estar na Libertadores. Hoje eles têm dez pontos de diferença e temos que descontar logo pra sonharmos com o título”, concluiu o ídolo são-paulino.

  • Soccer
  • Sports & Recreation
  • Alexandre Pato
  • Diego Lugano

SEM COMENTÁRIOS