Algumas loucuras que valem a pena

0
556

Saudações Tricolores,

O São Paulo finalmente conseguiu garantir a contratação definitiva de Maicon na última terça-feira (28), confirmando o zagueiro para a sequência da Libertadores e para as quatro próximas temporadas pelo menos. Não foi nada simples para Gustavo Vieira de Oliveira e companhia dobrarem o Porto e o Tricolor precisou abrir os cofres para não perder o seu principal jogador na semifinal da Taça Libertadores da América.

Pode-se dizer que foi uma loucura gastar R$ 22 milhões num atleta de 27 anos, que muito dificilmente dará o retorno financeiro no futuro. Além disso, os portugueses adquiriram 50% do passe de Lucão e do promissor lateral esquerdo Inácio com a negociação.

Apesar da maluquice da diretoria – afundada em dívidas que chegam a R$ 360 milhões – algumas loucuras são necessárias para conseguir atingir um objetivo. Maicon é uma dessas que entram nessa categoria. O defensor demonstrou um grande talento e personalidade quando vestiu a camisa são-paulina, assumindo a titularidade rapidamente e se tornando um dos líderes dentro de campo.

É verdade que com essa grana toda, a diretoria poderia ter contratado muito mais jogadores de qualidade para tentar fortalecer o elenco. Já está provado que algumas posições precisam urgente de reforço, algo que com certeza não virá.

O título da Libertadores será um grande trunfo financeiro para o São Paulo abater a dívida que tem com o Porto, mesmo que o valor tenha sido parcelado em três anos. Também será um grande negócio caso os dois jogadores que foram para Portugal consigam se destacar e ser vendidos por um bom valor.

O fator principal para esse desespero em não perder “God of Zaga” claramente foi a pressão da torcida pelo título da Libertadores, agora que estamos a apenas quatro passos do tão sonhando – e improvável há alguns meses – tetracampeonato. Maicon precisará ser ir muito mais além da competição internacional para fazer valer a pena todo o valor investido.

Nós torcedores também temos o dever de ajudar a pagar essa dívida, lotando o Morumbi nas partidas do Brasileirão e das competições que estão por vir. Já está na hora de abraçarmos o São Paulo além da Libertadores.

A diretoria também precisará trabalhar dobrado para que a alegria do momento não se torne uma grande cabeça mais para frente. Não podemos nos afundar ainda mais em dívidas e é muito importante se reforçar nas próximas janelas para conseguir fazer um bom segundo semestre e não passar apuros no futuro próximo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA