Seria o Morumbi, um mini “elefante branco”?

0
49
Em época de constrói ou não a cobertura, arena e outras
coisas, voltamos a ver o que era o gigante Morumbi, a ficar praticamente
vazio em dia de jogos. Será que não era hora de voltar à promoção dos ingressos
baratos?
Muitos podem dizer que o Campeonato Paulista não é
interessante para o público ir, ainda mais num horário de 22h em plena
quarta-feira, outros que os jogos são sem graça devido aos times do interior
não conseguirem montar equipes competitivas, entre outros pontos. Realmente é
para concordar com as afirmações.
Foto: Jornal Estado de São Paulo – Estadão
Mas, a questão que se passa independente de tudo, é o alto
valor dos ingressos. Um ingresso custar 40 reais o mais barato para ir num jogo
ás 22h para ver do outro lado, com todo respeito, o Rio Claro, não dá. E a
culpa não é toda do São Paulo, mas, parte dela. Já que, quem impõe os altos
valores é a Federação Paulista.
Então, onde o São Paulo tem a culpa? Explico! É no momento
do arbitral que poderia ser contrário, mas entendo que é difícil, se o único
for. Então, o que poderia o clube fazer para isso? É simples, teria que entrar
com um pedido de redução de ingressos conjunto a Federação, o que acho que
seria muito difícil uma recusa da mesma, ou seja, ela certamente acataria.
No ano passado, o São Paulo fez a promoção dos ingressos
mais baixos e automaticamente além de ter um público na maioria das vezes superior
que 30 mil, teve mais lucro que se tivesse mantido o preço original. Até porque
quanto mais torcedor no estádio, mais pessoas vão gastar nas lojas oficiais do
clube.
Para isso, resolvi fazer um simples exemplo da situação. Pegando
os três primeiros jogos do tricolor neste estadual e o primeiro jogo da
promoção no Brasileirão, confira abaixo:
Campeonato Paulista
São Paulo x Mogi Mirim – 22h (quarta-feira)
Público: 5.863
Renda: R$ 138.190,00
São Paulo x Oeste – 17h (domingo)
Público: 8.954
Renda: R$ 221.385,00
São Paulo x Rio Claro – 22h (quarta-feira)
Público: 5.895
Renda: R$ 146.820,00
Campeonato Brasileiro
São Paulo x Fluminense – 16h (domingo)
Público: 55.256
Renda: R$ 658.580,00
Não é difícil perceber a diferença de público, o São Paulo
só levou até agora “míseros” 20.712
pessoas, é uma diferença de cerca de 37%
a menos de torcedores. E para piorar ainda a questão, o clube deixa de aumentar o
caixa, já que juntando os três jogos, dá um total de R$ 506.395,00 reais de renda, menos ainda que o único jogo do exemplo.

Muitos após ver esse exemplo podem relutar e ainda
citar o fator diferença de campeonatos e momentos, talvez, não é descartável,
mas, diante de tudo, está bem claro que um ingresso mais barato sempre chamará
mais público e o clube sempre irá faturar mais.

Obs.: O público é sempre o pagante e todos os dados foram divulgados pelo próprio clube.
Por: Diego Schnellinger

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA