Jadson x Pato: 5 pontos a serem pensados pelo torcedor

6
63
As trocas foram feitas num momento conturbado em ambas as equipes, com descontentamentos e protestos. Informamos aqui que Pato poderia ser o novo reforço e as negociações foram rápidas, com a assinatura de contrato já de ambos os presidentes, aguardando apenas a assinatura dos jogadores.

Ocorreu na tarde/noite de ontem o acordo que troca Alexandre Pato por Jadson. O salário de Pato será pago parcialmente pelo Corinthians (cerca de R$350 mil), e o São Paulo pagará a outra parte. Pato tem contrato com o Corinthians até 2016 e virá por empréstimo e Jadson, tinha contrato com o São Paulo até o fim de 2014, mas assinará com o Corinthians até o fim de 2015.

Ambos, que sofreram muita pressão em seus respectivos times, saíram com aval dos dois lados. Os corintianos já estavam descontentes com o desempenho do atacante, que custou R$40 mi aos cofres do Parque São Jorge. Já o meia, não vinha sendo utilizado por Muricy com frequência (até seria escalado para o jogo de hoje, contra o Paulista) mas como as negociações encaminharam rapidamente, poderá não ser titular.

Pato não poderá jogar pelo São Paulo no Campeonato Paulista, por já ter entrado em campo pelo Corinthians em mais de 3 jogos, superando o limite previsto em regulamento. Sua estreia está prevista para o dia 12 de Março contra o CSA-AL, na Copa do Brasil. Jadson, que atuou em apenas uma partida do Paulista, poderá ser titular no Corinthians assim que Mano Menezes achar necessário.

Alguns dos motivos para confiarmos nessa troca: 

 1. Ambos vinham sendo inutilizados em suas equipes, e num novo ambiente, poderão contar com uma nova perspectiva, e novos ares para desenvolver seu futebol.

Foto: Fox Sports

2. No futebol, não existe negócio mal feito ou azar – existem apostas. Não vamos nos precipitar acreditando que a troca foi péssima, ou logo de cara, acreditar que foi um ótimo reforço. Ainda precisamos de reforços maiores, na zaga e no meio de campo, e Pato chega para auxiliar o ataque, muito provavelmente jogando pelas pontas. 


3.
Não temos nada a perder. O ano está no começo, já foram 6 rodadas do Campeonato Estadual (temos a Copa no meio do ano “atrapalhando” um pouco o cronograma dos times), mas o entrosamento virá com o tempo, e nos treinos, Muricy terá o discernimento de conhecer melhor o jogador e encaixá-lo onde achar ideal.


4. Trocas podem funcionar. 
O desempenho de um jogador pode não sincronizar com uma equipe, mas pode encaixar perfeitamente em outra. Arouca e Cícero, por exemplo, não deram muito certo no São Paulo, mas hoje são peças chave no Santos. Devemos analisar taticamente, de forma positiva, quais são os benefícios dessa relação.

5. Pato não será o salvador da Pátria. Não devemos depositar no jogador TODAS as nossas moedas. Vamos deixar que seja desenvolvido o seu trabalho, e cobrar por coisas justas, e que seja demonstrado em campo mais do que vinha sendo apresentado até hoje pelo atacante.

Os jogadores deverão ser apresentados até amanhã, sexta-feira.

Boa sorte Jadson e Pato!

6 Comentários

  1. Parabéns pela matéria.
    Eu compartilho da mesma opinião, o pato e um bom jogar q está em má fase, o clima q tinha no clube não favorecia em nd a melhora de seu desempenho.
    Temos que aguardar os resultados dentro de campo e ai sim cobrar, mas a maioria dos torcedores do São Paulo já estão massacrando o jogar e ele nem se apresentou ainda.
    Se a cobrança for só negativa ele apenas vai mudar de clube e o clima ruim vai continuar, oq podemos comprovar em sua passagem pelo Corinthians q ajudou apenas para o mau desempenho.

  2. Olá Aretha, com todo o respeito, discordo profundamente da sua opinião!
    Eis o porquê:

    1- O Jadson vem sendo mais utilizado que o Pato (não que isso seja muito). Aí vem a pergunta: Por que eles vem sendo pouco utilizados? Porque o rendimento têm sido baixíssimo. Essa história de perspectiva talvez sirva pro Jadson, que chegou jogando muito e caiu de rendimento, mas de alguém como o Pato, que já chegou não jogando nada, acho muito fácil falar de novos ares para desenvolver o futebol. Ele precisa de VONTADE e, como o grande Juca Kfouri no Bate-Bola de ontem muito precisamente comentou, ele é um jogador que não se importa com a situação que está passando, é acomodado, NÃO TEM VONTADE!

    2- Sim, no futebol existem apostas, mas um bom apostador sabe observar a situação, as estatísticas e fazer um "chute direcionado", minimizando a probabilidade de erro, o que não foi feito pelo SPFC, logo, existem sim negócios ruins.

    3- TEMOS MUITO A PERDER! O São Paulo acabou de vir de um ano que lutou contra o rebaixamento, não contratou quase nenhum reforço para tentar mudar a situação e pra piorar, vendo que o ataque foi um dos maiores problemas do ano passado, vai lá e contrata um atacante que o Brasil inteiro têm criticado. Não temos tempo para ficar de brincadeirinha, esperando para ver se dá certo.

    4- Sim, concordo que trocas podem funcionar, mas de um jogador que não apresenta vontade de jogar desde os jogos no Milan, volto na questão da aposta direcionada, é uma troca com probabilidades baixíssimas de funcionar.

    5- É óbvio que ele não vai ser o salvador da pátria! Mas então, depois de tudo isso, para quê adquirir um jogador como esse? Eu não depositaria nenhuma moeda nele

    Enfim, são esses os pontos pelos quais acredito que foi um dos PIORES negócios que já vi o São Paulo fazer. Espero estar errado, mas vejo o SPFC mais um ano brigando na parte de baixo da tabela.

  3. @William Salomão

    Obrigada pelo comentário, William!

    Todos os aspectos levantados por você são super válidos, e diante do cenário que tivemos no último ano, temos muito o que cobrar realmente, tanto do jogador quanto do clube.
    Trouxemos alguns jogadores, mas o que temos ainda NÃO atende ao São Paulo. Caso Pato supra parte da deficiência que temos no ataque, já terá sido válido. Todas as opiniões são muito válidas, e é esse bate-papo, essa troca de ideias por parte dos torcedores que fará com que a Diretoria se mexa, de acordo com o que o clube realmente precisa.

    Estamos todos na torcida de que essa "aposta" dê certo, e que Pato possa se encaixar no esquema tático do São Paulo.

  4. Bom, o que temos que fazer como torcedores que amam a instituição SPFC acima de tudo, é torcer para que o Pato se encaixe no time, que mude de postura e entenda o peso que essa camisa possui, de nada adianta ficarmos analisando se foi ou não uma boa troca, agora é torcer e apoiar o jogador acima de tudo, ao menos dar um tempo para o mesmo se adaptar a formação do time. Penso também que ele poderá crescer com a convivência com o RC e o Luís Fabiano, além do próprio Muricy que com certeza foi um dos defensores da troca.

DEIXE UMA RESPOSTA