Ponte encerra sonho e confirma SP fora da Libertadores após 16 anos

0
41

Macaca era última esperança do estado, cuja última ausência no torneio foi em 1998. Desde então, sete clubes paulistas jogaram a competição e quatro foram campeões.

O vice-campeonato da Ponte Preta na Copa Sul-Americana encerra não só o sonho do primeiro título de expressão do clube em 113 anos de história, mas também a chance de um paulista chegar à Libertadores da América de 2014. Com o fracasso de Corinthians, Santos e São Paulo na temporada, aliado à queda do Palmeiras na Copa do Brasil, o futebol do estado mais rico do país quebra uma marca de 16 participações consecutivas no torneio. O Brasil será representado por Atlético-MG (atual campeão), Flamengo (vencedor da Copa do Brasil), Cruzeiro, Grêmio, Atlético-PR e Botafogo (classificados pelo nacional).

A última vez em que um paulista não disputou a Libertadores havia sido em 1998. Na ocasião, o Brasil teve três clubes na disputa: Vasco (campeão nacional do ano anterior), Cruzeiro (vencedor continental em 1997) e Grêmio (que faturou a Copa do Brasil). Os cariocas levaram a melhor e garantiram o título da Libertadores, ao derrotar o Barcelona, do Equador.

De lá para cá, o futebol paulista foi representado por Corinthians (oito vezes), São Paulo (oito), Palmeiras e Santos (sete), São Caetano (três), Santo André e Paulista (os dois últimos por conquistarem a Copa do Brasil, em 2004 e 2005). Cada um dos grandes faturou um título: Verdão em 1999, Tricolor em 2005, Peixe em 2011 e Timão em 2012.

A Ponte sonhava disputar a primeira Libertadores de sua história, mas a queda para o Lanús emperra o objetivo principal. Agora, a Macaca pensa em 2014, quando jogará Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Série B do Brasileiro.

Gráfico mostra a participação dos brasileiros na Libertadores de 1999 a 2013; paulistas em negrito
FONTE: GLOBOESPORTE.COM

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA