Lúcio colheu apenas o que plantou no São Paulo

1
49

Amanhã, dia 15 de dezembro, o zagueiro Lúcio dará uma entrevista exclusiva ao Esporte Espetacular da TV Globo. Ao repórter Régis Rösing, o zagueiro, pentacampeão mundial pelo Brasil em 2002 abriu o jogo e falou pela primeira vez desde que foi afastado pelo São Paulo por indisciplina na metade da temporada.

Pela prévia da entrevista, podemos perceber que Lúcio está bastante abatido por tudo que aconteceu nos últimos meses em sua vida e também preocupado com o rumo que sua carreira vai tomar. Entre outras coisas, Lúcio diz que se sentiu humilhado pelo São Paulo e que, segundo ele, se pergunta todos os dias; ”o que será que eu fiz de tão errado para merecer isso?”. Tais declarações do zagueiro me esclarecem dúvidas sobre tudo que rolou nos bastidores.

Lúcio errou. E não foi uma vez. Não foi apenas dentro do campo. Foi, principalmente, fora. É de conhecimento público os motivos que levaram o São Paulo a ter essa postura rígida com o zagueiro. Desentendimentos, quebra de hierarquia, egoísmo. Muitos fatos geraram o afastamento de Lúcio. Ninguém é louco. O São Paulo, que não tem histórico de casos semelhantes, não iria afastar uma das suas principais contratações da temporada, que recebe um salário astronômico, se não houvessem vários motivos muito relevantes. Não é inteligente. Não faz o perfil são-paulino. Lúcio errou muito dentro do clube, deveria assumir, seria muito mais honroso. Espero que o faça durante a entrevista ao Esporte Espetacular. Pelo que vejo, não fará, e tentará passar uma imagem de injustiçado, coitadinho. Postura errada.

Lúcio em coletiva pela Seleção Brasileira (Foto: UOL)

No futebol e na vida nós colhemos o que plantamos. É um clichê, eu sei. Todavia, um clichê verdadeiro. Lúcio plantou várias sementes no São Paulo, e nenhuma delas foi boa. Logo, não poderia colher bons frutos. Colheu um tratamento frio e desinteressado do clube, o mesmo que plantou desde seu primeiro minuto vestindo a camisa de três cores. Não sou hipócrita de dizer que a contratação de Lúcio foi um erro da diretoria. Não, não foi. Eu também o contrataria. Ninguém esperava de um jogador campeão por onde passou um comportamento tão desleixado e pouco coletivo. Ninguém. Não condeno a direção. Eles tentaram. Lúcio foi um acerto que deu errado. E, como disse, colheu apenas o que plantou. Não há vilões nessa história, muito menos mocinhos.

1 Comentário

  1. Cara… Pode ser, mas ninguém tem o direito d acabar com a vida d ninguém, e é isso q estão fazendo com o cara… Não concordar com o funcionário pode levar a demissão, mas esfriar o cara pra se vingar acabando com a carreira do mesmo, não é o certo tb não… O são Paulo foi um time medíocre ao longo d 2013 e essa atitude d moleque q o clube está tendo só sustenta o pq da péssima fase pelo qual o são Paulo passa… E isso só irá piorar… Como vc falou, a gente planta o q colhe e a diretoria do são Paulo ao não agir corretamente, esta colhendo um péssimo ano pq td q fazemos d ruim, volta pra gente… Libera o cara e deixa ele viver em paz… Mas não… Tão fazendo maldade, e isso tb é errado….

DEIXE UMA RESPOSTA