Fora do Benfica, Cortez volta ao Brasil sem saber se jogará no SP em 2014

0
28

Emprestado pelo São Paulo ao Benfica (POR) até junho de 2014, o lateral esquerdo Cortez terá o contrato rescindido de forma antecipada e voltará ao Brasil nas próximas semanas. A informação havia sido publicada pelos jornais O Jogo e A Bola, em Portugal, e agora é confirmada no Brasil. Apesar do retorno, Cortez ainda não sabe onde jogará em 2014.

Afastado pelo São Paulo após a eliminação na Copa Libertadores, sob o comando do técnico Ney Franco, Cortez não conseguiu render o esperado no empréstimo ao Benfica. Logo perdeu espaço em Portugal e não foi nem inscrito na lista de 25 jogadores para disputar a Champions League. Agora, sem espaço, volta ao clube que detém a maior parte de seus direitos econômicos.

O técnico Muricy Ramalho gosta do estilo de jogo de Cortez e até se interessou em leva-lo ao Santos quando o São Paulo o afastou. Mesmo assim, a palavra do treinador não é repleta de convicção. Até por isso, o São Paulo já firmou a contratação definitiva de Reinaldo, da mesma posição, cujo contrato de empréstimo se encerra no fim deste ano.

Para o setor, o clube ainda conta com Carleto, que se recupera de lesão grave no joelho e voltará a jogar em 2014, e com o argentino Clemente Rodríguez, que fracassou e pode até ser negociado no fim deste ano.

Na última segunda-feira, o presidente Juvenal Juvêncio falou que pretende emprestar Cortez a outro clube no início de 2014. A situação, no entanto, não está confirmada. O lateral vai se reunir com diretoria e comissão técnica para uma conversa, para decidir como irá planejar o próximo ano de carreira.

Contratado do Botafogo no fim de 2011, para a temporada de 2012, o lateral esquerdo era grande aposta do São Paulo após ter virado opção para a seleção brasileira. Em sua temporada de estreia, foi recordista de jogos no time. Em 2013, começou como titular e caiu de desempenho durante a Libertadores.

Já é melhor o empresário do Cortez entrar em contato com os outros clubes porque espaço no tricolor, ele não tem e nem pode ter!

Fonte: UOL

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA