As jovens promessas do mercado Sul-Americano

0
61
A temporada de especulações e vai e vem do
mercado começou, então decidi fazer um resumo de jovens promessas espalhadas pela América do
Sul que poderiam ser uteis ao São Paulo nesse momento ou no futuro, pegando de
gancho a nova resolução da CBF, onde ela aumenta de três para cinco os atletas
estrangeiros que podem atuar nos gramados tupiniquins a partir de 2014.
César Fuentes foi eleito a revelação do Apertura Chileno 2013 (Foto: Jornal El Gráfico/Chile)

Tal prática de apostar em jovens sul-americanos seria uma
grande jogada do São Paulo para também fazer negócios, onde esses atletas viriam a custo baixo, podendo sair gerando um grande lucro aos cofres do time do Morumbi. Tal situação é bastante comum entre os clubes europeus, que sempre tem
olheiros trabalhando especificamente no mercado latino em busca desses atletas.

Um exemplo claro é o Porto, de Portugal, que
nos últimos anos viu seu lucro aumentar com essa jogada de caçar jovens
talentos na América do Sul. Estima-se até que essa estratégia tenha rendido algo em torno
de 600 milhões..
Sem mais delongas, vamos às promessas do futebol de nosso continente. Decidi fazer diferente, e para a lista não ficar muito longa, separarei em duas partes, sendo que nesta coluna falarei dos zagueiros e
volantes e no próximo domingo dos meias e atacantes.
ZAGUEIROS
Koichi Aparicio (Alianza Lima-Peru) – 20 anos
Considerado uma das revelações do Descentralizado 2013, o
jovem zagueiro peruano mostrou uma tranquilidade que chama atenção.
Chamou tanto que foi convocado para a seleção principal do Peru e também sondado pelo Milan, da Itália.
Igor Lichnovsky (Universidad de Chile-Chile) – 19 anos
Zagueiro alto que se impõe muito bem no jogo aéreo e passa
muita segurança. Atualmente atua na Seleção Chilena Sub-20 e leva no seu currículo passagens na Sub-15 e sub-17. Já foi assediado
por vários clubes europeus, inclusive o Chelsea, da Inglaterra, último clube a
demonstrar interesse mais relevante.
Emiliano Velásquez (Danúbio-Uruguai) – 19 anos
A esperança de renovação da celeste passa por esse jovem
zagueiro. O atleta foi peça fundamental no título do Apertura 2013 da surpresa
Danúbio. Suas características são um misto de zagueiro antigo e moderno,
além da tradicional raça uruguaia. Destaque nas seleções de base do Uruguai.
Guillermo Burdisso (Boca Juniors-Argentina) – 25 anos
Jogador que conta com uma passagem pela Roma, da Itália, e chegou
ano passado ao Boca Juniors, logo tomando conta da zaga. Demonstra segurança
e atua forte na marcação, podendo ser considerado um daqueles xerifes. 
VOLANTES
César Fuentes (O’Higgins-Chile) – 20 anos
Foi eleito a revelação do Apertura Chileno 2013, atuando
principalmente como volante defensivo e conta com uma boa saída de bola, também
fez muito bem o papel de lateral-direito quando necessário. Já defendeu a Seleção Sub-20 do Chile.
Lucas Romero (Vélez Sarsfield-Argentina) – 19 anos
É daqueles volantes criativos com bom passe, possui grande visão de jogo, além de ter uma boa saída de bola. Participou da campanha vitoriosa do Vélez Sarsfield em 2012 e
atualmente é chamado para a Seleção Sub-20 da Argentina.
Sebastián Pérez (Atlético Nacional-Colômbia) – 20 anos
Volante com bom passe e boa marcação,
atualmente é peça fundamental no esquema do Atlético Nacional. Também já foi sondado por clubes europeus como o Arsenal,
da Inglaterra, por exemplo.

Por: Diego Schnellinger 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA