Um circo chamado: julgamento da Conmebol

1
33

Coluna do torcedor
Por: Carlinhos Novack ( @carlinhosnovack )

Em todos esses tempos que cubro/acompanho futebol, achava que nunca encontraria uma entidade nesse meio mais desleal como a CBF, até que a Conmebol e suas punições conseguiram superar as expectativas.

Vamos aos fatos: Todos sabem o que aconteceu há 2 meses em Oruro, na Bolívia, quando o garoto Kevin Douglas Beltran Espada, de 14 anos, faleceu após ser atingido por um rojão no jogo San José-BOL x Corinthians pela estréia de ambos na Libertadores, o fato envolve a morte de um garoto, torcedor, de apenas 14 anos e o que aconteceu? Conmebol julgou tirando a torcida do Corinthians de todos os jogos da Libertadores e a equipe jogando de portões fechados, o que não aconteceu! Veio acontecer por somente um jogo no pacaembu contra o Millonários-COL, já que o Corinthians entrou com recurso e a Conmebol voltou atrás no julgamento dando apenas uma multa, tirando a torcida de jogos “internacionais” (ou seja, não-mando do Corinthians) e portões/torcida liberados em jogos no Brasil, lembrem-se: envolve morte!
O segundo fato também teóricamente é grave, onde envolve a confusão no jogo entre Atlético-MG x Arsenal de Sarandí-ARG no estádio Independência em Belo Horizonte, que jogadores do Arsenal após o jogo partiram para as vias de fato (agressão) com os jogadores do Atlético-MG e com a Polícia, foram julgados pela Conmebol dois jogadores do Arsenal, um por tacar cadeira em um policial e outro por chutar o escudo, e o que pegaram? Três jogos de punição.

Voltamos a três semanas atrás, São Paulo x Arsenal de Sarandí-ARG no Pacaembu, jogo em que o São Paulo perdeu por 2 a 1, Luis Fabiano não contente com a arbitragem, ao fim do jogo foi á frente do juiz reclamar, o mesmo tirou o cartão vermelho e o expulsou, na semana seguinte, novamente o circo do julgamento dessa entidade futebolística chamada Conmebol, pune Luis Fabiano com quatro jogos, QUATRO jogos? Peraí! Deixa eu ver se eu entendi! Todos sabem do gênio difícil do atacante do São Paulo, mas merecia uma punição de quatro jogos para prejudicar o São Paulo no decorrer da competição? Estar descontente com a arbitragem e simplesmente ir reclamar, é mais grave que agredir policiais ou matar um torcedor menor de idade?

Perdoem-me as palavras, mas se Luis Fabiano tivesse matado o juiz, acho que na semana seguinte já estaria de volta jogando pela Libertadores… A Conmebol quer ser rígida em seus julgamentos ou prejudicar o tricampeão? É um caso para se pensar!

1 Comentário

  1. Se fosse a diretoria do São Paulo tirava o time desse lixo de competição! A Conmebol conseguiu superar a CBF em termos de palhaçadas e desorganização! Lixo essa Conmebol!

DEIXE UMA RESPOSTA