Criados em Cotia: Casemiro

0
73
O Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, mais conhecido como CFA de Cotia, tem se mostrado uma fábrica de jogadores a todo vapor. Alguns se destacam, sobem ao profissional do próprio São Paulo e deixam sua história marcada, como foi o caso de Lucas. Outros não são entítulados de craques pelos torcedores, mas chamaram a atenção de times do exterior e tem feito sua carreira por lá. 
E como ele se destacou em sua estreia pelo Real Madrid, não poderia deixar de falar sobre o volante Casemiro. Chegou ao São Paulo com 11 anos e atuou pelas categorias de base do clube. Não chegou a ser um nome de destaque, porém chamou a atenção da diretoria quando recusou a proposta do seu empresário, Giuliano Bertolucci, de entre em litígio contra o Tricolor e se desligar do clube. Então, ganhou uma chance no time principal durante o período da Copa de 2012, convocado por Ricardo Gomes, comandante do Tricolor na época.
Casemiro comemora seu primeiro gol pelo São Paulo, contra o Mogi. Foto: Rivaldo Gomes/ Folhapress
Seu início no Mais Querido foi boa. Ao lado de Lucas, que subiu na mesma época, Casemiro aparentava ser um ótimo jogador e que teria um grande futuro no clube. Porém, com o passar do tempo, seu rendimento caiu e a titularidade foi perdida. O volante deixou de ser uma peça fundamental, e se tornou um jogador para ‘tapar buracos’. Saiu do São Paulo com sentimentos divididos pela torcida. Alguns apostavam em seu futebol e acreditavam que ele só precisava de chance. Outros não entendiam o motivo do técnico colocá-lo em campo, mesmo que poucas vezes. 
Em janeiro, o Real Madrid apresentou uma proposta pelo jogador, que foi emprestado para o clube espanhol até junho de 2013, fim da temporada. Uma surpresa para todos, sim. Mas menor quando foi explicado que seu empréstimo era pro time B. O que durou pouco tempo. Em fevereiro, Casemiro subiu para o time principal e foi inscrito na Champions League, mas continuou a atuar pelo time secundário.
Sua chance real só apareceu este mês. Casemiro treinou com o time principal e teve sua estreia como titular no clube espanhol. Contra o Betis, o volante jogou os 90 minutos e se destacou na partida. A imprensa disparou elogios à atuação do jogador e o técnico Mourinho pareceu confiante em sua escolha. Não é a toa que Casemiro continua treinando com o time principal e tem grandes chances de estar entre os titulares no próximo jogo 
Casemiro se destacou no jogo contra o Betis. Foto: Ballesteros/ EFE
Em fevereiro, o volante subiu para o time principal e se manteve como reserva até sábado, quando estreou e recebeu elogios da imprensa e superiores do clube por sua ótima atuação como titular. Atualmente, o jogador parece ter conquistado a admiração do técnico José Mourinho e continua treinando com o time principal. Sua expectativa agora é de ser relacionado para um time da Champions League.
Com isso, penso que Casemiro não deve voltar ao Brasil quando seu empréstimo terminar. Ele foi titular nas 9 partidas que atuou pelo time B e parece conquistar seu lugar no time principal. Para a compra ser finalizada, o Real deve pagar 5,8 milhões de euros (cerca de 15 milhões de reais). Casemiro tem grandes chances de dar certo no exterior e fazer sua carreira deslanchar. Fica a pergunta: o São Paulo perderá um ótimo jogador e foi burrada não dar mais chances ao volante aqui no Brasil? Ou será o melhor vendê-lo e que ele seja feliz lá fora, pois aqui não irá render nadar e continuaria com o corpo mole (negado por ele)? 

Essas são as perguntas que deixa para vocês, torcedor. E ah, não se esqueçam de comentar: qual o próximo nome criado em Cotia que vocês querem ver aqui no SPFC1935?

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA