Assuntos que movimentam o noticiário são-paulino

0
59

Primeiramente queria pedir desculpas aos leitores do SPFC 1935 e aos nossos colunistas e colaboradores pela ausência nessas últimas duas semanas. Assuntos pessoais fizeram com que eu não tivesse tempo de escrever a coluna.

E pelo visto, muita coisa aconteceu. Vontade de comentar sobre tudo, mas antes gostaria de dizer aqui o quanto é bom entrar no Morumbi e ver o Rogério Ceni com a camisa do São Paulo de novo. Sensação de ver um ídolo de volta arrepia como se fosse a primeira vez de um garoto no estádio.

Passado o momento tiete, queria aqui falar sobre dois assuntos que tem movimentado o noticiário são-paulino.

1) Lucas – Vender ou não vender ?

Não acredito que o Manchester United tenha oferecido toda essa grana pelo moleque. Quem acompanha as contratações dos Red Devils nas últimas temporadas sabe que Sir Alex Fergunson não é do tipo de cara que lança logo 30 milhas na mesa e “Vem cá garotão pro papai”. Não é assim que funciona. Como também não acho que Lucas valha realmente toda essa fortuna. Não tô falando que um dia não possa valer, mas HOJE não vale. Além de tudo isso, qualquer tipo de negociação que tenha o nome do senhor Wágner Ribeiro no meio eu fico com o pé atrás. É aquele tipo de coisa: prefiro esperar pra ver se é tudo isso mesmo.

Passado esses detalhes, eu digo que venderia o Lucas logo. Surgindo proposta entre 28 e 33 milhões de euros (que é o que está se cogitando), vende, pega a grana, investe onde precisa, trás o Lugano, deixa a torcida feliz e chama um moleque da base com apelido de ídolo rival pra trocarmos o nome no profissional. Dá certo.

Em 1997, Dodô PRA MIM era um dos grandes jogadores do futebol mundial. Valia milhões, cansava de fazer gol, times europeus estavam em êxtase quando ouviam esse nome. Surgiram propostas, muitas propostas para o São Paulo vendê-lo (se não me engano até o Barcelona entrou na briga) e acabou negando todos os negócios.

Fim da história é de conhecimento de todos. Dodô mandou banana pra torcida, diretoria se encheu de seus sorrisinhos nos momentos de desgraça e foi trocado pelo retumbante Ânderson Lima do Santos.
Pra quem valia milhões, péssimo negócio feito pelo tal de Bastos Neto (me corrijam se eu estiver enganado).

Não tô dizendo que isso tudo vai acontecer com o Lucas, mas todo cuidado pra não repetir erros de gestões nefastas passadas é pouco.

2) #ForaJuvenalVem cá, vocês sabem que isso não vai dar em nada né ?
Pra mim, é um protesto oportunista.

Porque não fizeram todo esse barulho lá atrás na reeleição do Juvenal ? Se fizeram algo, nada comparado com o que estão fazendo hoje.

Se tivesse ganhado algum paulistinha, ou copa-sulamiranda da vida a torcida estaria quietinha. Como se o Juvenal tivesse trazido o Lugano, ninguém estaria falando nada.

Como a diretoria não é amadora (embora ás vezes pareça) e não faz tudo que a torcida mimada de cnpj (como diria um grande amigo meu) pede, então há essa revolta.

Ganha a Sulamiranda esse ano e cabô protesto, cabô tudo. Juvenal nosso rei.
Assim também como se não ganhar nada, os protestos vai se intensificar, mas nada muda.
Juvenal será presidente até 2014, simples. Aceitem.

Momento não é de pedir saída de dirigente. Isso pode afetar o time dentro de campo. E não é isso que queremos. Queremos um São Paulo forte, pra chegar, disputar e ganhar o que tiver pela frente e tô confiante. Com Rogério Ceni de volta o time ganhou um ânimo extra e isso é muito maior do que um nome lá na cadeira presidencial.

Aceite quem comanda o time e apoie os 11 que vestem esse manto dentro de campo.
Saudações Tricolores,
Renan Lopes Leite

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA